HERMANN SCHREINER

violoncelo

HERMANN SCHREINER, nascido em Villa Allende, Córdoba, Argentina, se formou como violoncelista com Cristián Montes.

Em violoncelo moderno, também teve aulas com Hans Jensen, Marcelo Montes, Yves Dharamraj, Pablo Romero, dentre outros. Em violoncelo histórico estudou com Phoebe Carrai, Juan Manuel Quintana, Manfred Kraemer, Balazs Maté, Oleguer Aymami e em Harvard. Nos últimos anos, participou de orquestras sinfônicas, grupos de câmara e de diferentes conjuntos de música antiga. Foi primeiro violoncelo na Orquestra Sinfônica da Universidade Nacional de Córdoba, na Orquestra Filarmônica de Mendoza, na Orquestra Acadêmica do Teatro del Libertador e na Orquestra de Tango de Córdoba. Também integrou a Orquestra Sinfônica Nacional Argentina, a Sinfônica de Córdoba a Orquestra de Cordas Municipal de Córdoba, a Youth Orchestra of the Americas, e a Orquestra de Câmara de La Plata. Foi beneficiário do bolsa de estudos do Mozarteum Argentino em 2015. Deu concertos em várias províncias de seu país, bem como em festivais internacionais de música no Brasil, Colômbia, França, Espanha, Chile e Uruguai. Ganhou uma menção por “interpretação criativa” no Internacional New Docta Competition, em 2017, e uma menção honrosa no Concurso Nicolas Finoli, em 2015. Atualmente integra o trio Imaginário Barroco e participa anualmente, como primeiro violoncelo, do Conjunto de Música Antiga da USP e da Orquestra Estável do Teatro Argentino.

DOMINGO | 12 DE MAIO | 11H30

piano

LEANDRO MOTTA

LEANDRO MOTTA nasceu em Guarulhos e iniciou seus estudos de Piano aos 10 anos. Foi premiado em diversos concursos nacionais. Dentre os quais, o 1º lugar no concurso Souza Lima em 2014 o que incluiu uma viagem para participar do festival de verão na Hotchkiss School nos EUA, tendo tudo aulas com expoentes do cenário musical internacional como Boris Berman, Olga Kern e Mina Perry; 1º lugar no concurso jovens solistas Eleazar de Carvalho de 2016; e 1° lugar no I Piracicaba International Piano Concerto Competition. Participou de várias edições do Festival Música nas Montanhas (Poços de Caldas) e do Festival de Inverno de Campos de Jordão em 2016 e 2017. Apresentou-se em vários espaços da Cidade de São Paulo como MUBE, Aronne Pianos, Sociedade Brasileira de Eubiose e Teatro Municipal. Dentre as inúmeras masterclasses das quais participou destacam-se três promovidas pela fundação OSESP com Paul Lewis, Jean Efflan Bavouzet e Gabriela Montero.

Foi convidado por duas vezes para integrar a série promovida pela Orquestra Sinfônica de Campinas em parceria com a USP na qual solou o 3o Concerto de Beethoven e o 2o Concerto de Chopin. Desde 2016 vem desenvolvendo atividade pedagógica no Centro Suzuki de Educação Musical e na Escola de Música Suzuki de São Paulo. Teve como professores importantes em sua formação Donata Madjeska Lange (EMESP) e Nicolau de Figueiredo (cravista, com o qual pode desenvolver um trabalho voltado para o repertório de música barroca). Atualmente estuda sob orientação da professora Marisa Rosana Lacorte na Escola Municipal de Música de São Paulo e cursa bacharelado em piano na Universidade de São Paulo sob orientação da professora e pianista Luciana Sayure.

L. V. Beethoven (1870-1927)

Sonata para violoncelo e piano n. 2, op. 5 n. 2 (1896)

      Adagio sostenuto ed espressivo

      Allegro molto più tosto presto

      Rondo. Allegro

 

J. Brahms (1833-1897)

Sonata para violoncelo e piano n. 1, op. 38 (1862–65)

      Allegro non troppo

      Allegretto quasi Menuetto

      Allegro

A. Piazzolla (1921-1992)

Le Grand Tango (1982)

© 2018 Temporada de concertos   l   Fundação Maria Luisa e Oscar Americano.